Pouco para dizer, muito para escutar, tudo para sentir. A propósito do programa de rádio
ÍNTIMA FRACÇÃO OUVIR ON-LINE ou PODCAST

 


>
Íntima Fracção
> um programa de Francisco Amaral
>
> Contacto:
franciscoamaral@gmail.com


> RSS Feeds

>
Arquivos
12/2002
01/2003
02/2003
03/2003
04/2003
05/2003
06/2003
07/2003
08/2003
09/2003
10/2003
11/2003
12/2003
01/2004
02/2004
03/2004
04/2004
05/2004
06/2004
07/2004
08/2004
09/2004
10/2004
11/2004
12/2004
01/2005
02/2005
03/2005
04/2005
05/2005
06/2005
07/2005
08/2005
09/2005
10/2005
11/2005
12/2005
01/2006
02/2006
03/2006
04/2006
05/2006
06/2006
07/2006
08/2006
09/2006
10/2006
11/2006
12/2006
01/2007
02/2007
03/2007
04/2007
05/2007
06/2007
07/2007
08/2007
09/2007
10/2007
11/2007
12/2007
01/2008
02/2008
03/2008
04/2008
06/2012
05/2015
04/2016
09/2016
12/2016
04/2017

This page is powered by Blogger. Isn't yours?

 



 

 

 

22.9.07
 
Não é por acaso que todas as Artes aspiram à condição da Música.
Recuperando os anos 80 ao meio, reencontrei os alemães Propaganda e um Duel que fiz rodar vezes sem conta (fora da IF). Que "estado de espírito" (será este o resultado da Música ?) me provoca Duel ? Algo que, religiosamente, se chamará "salvação". Um movimento imparável, impulsionado por uma série de indefinidos destinos. A resistência aos golpes sofridos. Os estúdios. A Música (única). Num primeiro estado, a sobrevivência. Depois, a superação, seguida ainda da exaltação. O regresso aos estúdios e o rasto de Channel agarrado à pele, envolvendo um coração luminoso que se ergue, arrebatado, como se fosse uma estampa divina !

the first cut won't hurt at all
the second only makes you wonder
the third will have you on your knees
you start bleeding I start screaming

(Propaganda - Duel - 1985/86)

O clip é ... "estética MTV" (fraco)



... mas tocavam-na live, como se pode ver (entusiasticamente) AQUI !

0 Comentários
início