Pouco para dizer, muito para escutar, tudo para sentir. A propósito do programa de rádio
ÍNTIMA FRACÇÃO OUVIR ON-LINE ou PODCAST

 


>
Íntima Fracção
> um programa de Francisco Amaral
>
> Contacto:
franciscoamaral@gmail.com


> RSS Feeds

>
Arquivos
12/2002
01/2003
02/2003
03/2003
04/2003
05/2003
06/2003
07/2003
08/2003
09/2003
10/2003
11/2003
12/2003
01/2004
02/2004
03/2004
04/2004
05/2004
06/2004
07/2004
08/2004
09/2004
10/2004
11/2004
12/2004
01/2005
02/2005
03/2005
04/2005
05/2005
06/2005
07/2005
08/2005
09/2005
10/2005
11/2005
12/2005
01/2006
02/2006
03/2006
04/2006
05/2006
06/2006
07/2006
08/2006
09/2006
10/2006
11/2006
12/2006
01/2007
02/2007
03/2007
04/2007
05/2007
06/2007
07/2007
08/2007
09/2007
10/2007
11/2007
12/2007
01/2008
02/2008
03/2008
04/2008
06/2012
05/2015
04/2016
09/2016
12/2016

This page is powered by Blogger. Isn't yours?

 



 

 

 

29.5.06
 


Vinda de um momento qualquer da recomendada música dos catalães 12Twelve, apanhei um longínquo No time to live, dos Traffic. Os Traffic eram um grupo de gente respeitada no mundo da música : Dave Mason (vocals, acoustic guitar, harmonica); Steve Winwood (vocals, guitar, piano, harpsichord, organ, bass); Jim Capldi (vocals, drums, percussion); Chris Wood (flute, soprano saxophone, tenor saxophone, bass, percussion, bells).
No time to live é do segundo álbum (1968).
É também por isto que eu estou de acordo com António Cartaxo. " A música ... um romance eterno". E como eu poderia contar a minha história de No time to live. Há uma história para cada música que nos tocou os corações.

0 Comentários
28.5.06
 
IF 28 Maio 2006

# Alla Polacca : A
# Architecture in Helsinki : Tiny paintings
# tba : Morning light
# tba : Kryz
# Flotation Toy Warning : How the plains left me flat
# The Chameleons : P.S. Goodbye
# Destroyer : Your blues (extracto - versão EP)
# Samara Lubelski : Keeper of beauty
# Caroline : I'll leave my heart behind
# Mapstation : Warm distance
# Perry Blake : Broken statue (versão ao vivo)
# The White Birch : Seer believer
# Nouvelle Vague : Friday night, saturday morning
# People Like Us : Downtown once more

Download mp3: http://www.esec.pt/radio/programas/intimafraccao/if.html
Podcast: http://www.gavezdois.com/
Rádio: http://www.ruc.pt/

0 Comentários
 
A radio não se conta, ouve-se. E há tantas histórias de música para contar... Um romance sem fim.

Em Sintonia, com António Cartaxo. Antena 2 - RDP.
A rádio sobrevive.

0 Comentários
27.5.06
 
Na IF deste fim-de-semana, entre muitas outras coisas, Perry Blake com uma outra versão da sua inaugural Broken Statue.
Para ouvir na IF, Perry, ao vivo, no Cirque Royal de Bruxelas. Broken Statue mais contida.

Radio for help now
She's gone missing again
Without a raincoat or a hairbrush
Without a witness or a trail
We like Nature in spite of
What Nature does to us
And we love to jaywalk
But not enough to get hurt


0 Comentários
 

12twelve

De Barcelona. Só instrumentos.
L'univers - o mais recente (2006).
Lá, descobri intonarumori (para ouvir).
Música que me confunde o tempo.
Música que me parece ter ouvido na rádio ... há muito tempo.


0 Comentários
 
Maçãs e bolachas integrais.
Qual é a música que lhes corresponde ?


0 Comentários
26.5.06
 
Não tenho tido tempo para postar. Estive na fila para ver a Shakira ...
Afinal julgo que era a Merche Romero. Enfim, não sei ! A Neydi, uma moça da Curraleira que trabalha no Colombo, baralhou-me. Atrás de mim está a Caetana, que veio da Gandarinha e me chamou "tótó ... isto está a dar na televisão !".
Todos diferentes, todos iguais.
O nivelamento dos gostos é espantoso. A interacção social provocada pela indústria do entretenimento é a essência da democracia. Não sabia ... preciso de aprender a viver aqui.

0 Comentários
24.5.06
 
Só agora dou a informação. Não gosto muito de me mostrar nestas coisas ...
Esta 4ª feira, dia 24, às 14.30, na Casa Municipal da Cultura, em Coimbra, uma aula aberta sobre BLOGS. Coordenação do Prof. Doutor Dinis Alves (ISMT) com Carlos Esperança (Ponte Europa) e eu mesmo (Íntima Fracção).
Espero que seja um momento para trocar ideias com alunos do ensino superior e todos os interessados no fenómeno bloguístico.

0 Comentários
23.5.06
 


I may not always love you
But long as there are stars above you
You never need to doubt it
I'll make you so sure about it

God only knows what I'd be without you

A tal que me acompanha (persegue ?) há 40 anos, chegou-me em muito mais versões para além daquelas que eu conhecia. Um mail de um ouvinte da IF (JFR) levou-me ao My Old Kentucky Blog e está lá tudo. Experimentem.

Na Rádio Guarani FM, brasileira, encontram o impensável. Enquanto a música toca, vai-se sublinhando o respectivo momento da letra ... com tradução em português !

0 Comentários
21.5.06
 
IF 21 MAIO 2006

# Piana : 20 years ago
# Scott Walker : A lover loves
# Scott Walker : Boy child
# The Lilac Time : Bird on the wire
# Mapstation : Horns version
# Tape : A spire
# Dead Combo : Esperanza (bounty)
# Nick Cave and the Bad Seeds : Running scare
# Gregor Samsa : Young and old
# Idaho : To be the one
# Jens Lekman : Me on the beach
# The Fiery Furnaces : Borneo (extracto)
# The Fiery Furnaces : Waiting to know you
# Caetano Veloso : Patricia
# Piana : After 20 years ago

Download mp3: http://www.esec.pt/radio/programas/intimafraccao/if.html

Podcast: http://www.gavezdois.com/

Rádio: http://www.ruc.pt

0 Comentários
20.5.06
 


Com o apoio Cotonete e Apple.
Líder : GavezDois.
Click para saber (quase) tudo.
Apareça para saber tudo.

0 Comentários
16.5.06
 


Podcast da Semana - Íntima Fracção
... escrito no Podcasting, blog indispensável (claro !) sobre o assunto. Informação fundamental
para quem quiser estar a par do muito que se está a passar neste universo.

0 Comentários
 

ENCONTROS DE PODCASTERS

Em digressão nacional e graças à militância do Edgard Costa, do GavezDois - Radio.net.
A Íntima Fracção também estará presente, no dia 20 de Junho, na FNAC do Forum Coimbra.
Programa dos Encontros (fica a saber se clikar).

0 Comentários
15.5.06
 
Para hoje. "IF - winter's lost line-up".
A misteriosa edição da Íntima Fracção do Inverno de 2005, de que se perdeu o alinhamento.
Estreia em podcast.

Download mp3: http://www.esec.pt/radio/programas/intimafraccao/if.html

Podcast: http://www.gavezdois.com/

0 Comentários
13.5.06
 
Ninguém acreditaria, mas às 3.30 da madrugada, na noite de 13 de Maio de 2006, de dentro de um carro (desses que estoira som), salta Good Vibrations, dos Beach Boys ! Quarenta anos depois, Brian, ainda te ouvem ...

0 Comentários
 
Depois deste fim-de-semana, a IF regressa mais uma vez em exclusivo digital.
Reposição (estreia em podcast !) do estranho caso da IF com alinhamento perdido.
A emissão a que me refiro, foi transmitida na noite de 9 para 10 de Janeiro de 2005 e nunca teve o seu alinhamento publicado. Perdi-o. Irrecuperável, nem a sua escuta me conduz à verdade. Uma intrincada sucessão de sons, ruídos, extractos de músicas, sobreposições e muitos instrumentais, confunde o reconhecimento do próprio criador !
Ficará assim para sempre ?
Descubram.

0 Comentários
10.5.06
 


Saudades das caminhadas nocturnas com o Lak.
Parecia-me estar tão longe, só com o céu por cima ...

Blinking lights on the airplane wings
Up above the trees
Blinking down a morse code signal
Especially for me

Ain't no rainbow in the sky
In the middle of the night
But the signal's coming through
One day i will be alright again

- Blinking lights (for me) - Eels
Mark Oliver Everett

0 Comentários
9.5.06
 
IF 8 de Maio 2006 (só na web)

# Mapstation : Listening to Stockholm
# Gregor Samsa : These points balance
# Mono : Giant me on the other side
# The Focus Group : Open the gate
# Donna Regina : My melancholy man
# Blue Nile : From a late night train
# Caroline : Where's my love
# Caroline : Winter (extracto)
# Dead Combo : After peace swim twice
# Johnny Cash : Hurt
# Tape : Long lost engine

+ extracto de TBA : okean k e sons diversos

Download mp3: http://www.esec.pt/radio/programas/intimafraccao/if.html
Podcast: http://www.gavezdois.com/

0 Comentários
8.5.06
 
É publicado hoje pela 4AD o novo disco de Scott Walker - The Drift.
Já o ouvi todo.
Scott chegou ao limite (será ?) de um percurso com mais de 40 anos. Todo o desespero revertido para uma mistura pop com canção clássica que vinha dos Walkers Brothers nos anos 60 (sec XX), transformou-se gradualmente numa crueza que atirou o boy child para o retrato sentidíssimo da condição humana.
Scott Walker influenciou muita gente e estando há décadas (desde 1967) fugido da insanidade pop, acaba por produzir um disco que vai mais longe do que tudo o que até hoje fez. A voz mantém-se igual, mas cada vez mais torturada, mais consciente desta pobre humanidade onde veio poisar. Sente-se que Scott Walker gostaria de não estar aqui. As suas músicas (que já não são canções) elevam-se num lamento agudo que se torna ao mesmo tempo fascinante e insuportável.
The Drift não passará nas rádios. Querem que vos explique melhor ?
A 4AD criou um mini-site dedicado ao disco.






Em Março de 2003, The New York Public Radio (estranho como, por cá, actualmente Scott não caberá nem na Antena 1, nem na 2) apresentou uma emissão de uma hora totalmente dedicada a Scott Walker. Aqui está o programa completo. Oiçam-no. Só depois poderão ouvir The
Drift.

Já agora, Scott Walker no Culture Show (vídeo).




THE DRIFT

movimento, impulso;

curso do vento ou da água;

objectivo, sentido geral, significado;

coisa levada pelo vento ou corrente de água;

inacção, atitude de quem simplesmente aguarda os acontecimentos;

inclinação, tendência;

desvio de navio devido a correntes, ou de projéctil por causa da rotação;

coisas acumuladas superficialmente devido ao vento ou à água ...


0 Comentários
 
Logo à noite há Íntima Fracção numa edição só para a web.
Sons para trazer ao peito.
Estreias na IF de Mapstation, Gregor Samsa, The Focus Group e Dead Combo. Acompanham, melodias para despertar sentidos e apertar o coração.

Download mp3: http://www.esec.pt/radio/programas/intimafraccao/if.html
Podcast: http://www.gavezdois.com/

0 Comentários
7.5.06
 
On Saturday 6th May, legendary Australian singer songwriter Grant W McLennan died in his sleep at his home in Brisbane.
Algumas das boas memórias da IF passam pelos australianos Go-Betweens, formados por Grant W McLennan (autor e vocalista do grupo).
Cattle and cane (1983) é o tema autobiográfico de Grant W McLennan. Aqui a seguir o videoclip.



Aproveito para vos proporcionar um vídeo bootleg feito em Barcelona, onde os Go-Betweens tocam em palco "Streets of your town", uma das mais criativas canções pop dos últimos 20 anos.



Em Tallulah (1987), está Hope Then Strife, uma das favoritas da Íntima Fracção.


0 Comentários
 
Não me perguntem como, mas o podcast da Íntima Fracção estava hoje no 11º lugar geral e no 2º de música, no TOP 100 do iTunes da Apple !
Vi por mero acaso ... mas fiquei muito contente, claro !
E para acabar com o "politicamente correcto", em futuro post, haverá outras notícias sobre este assunto.


0 Comentários
 
Esta noite não (h)ouve Íntima Fracção na RUC por causa das transmissões das noites da Queima das Fitas ...
De qualquer forma, haverá uma edição especial para a web.
Conto connvosco na 2ª feira.

0 Comentários
4.5.06
 
Não sei se haverá IF esta semana. Normalmente a RUC faz uma programação especial durante as noites da Queima das Fitas.
Se não houver, talvez seja publicada uma edição especial só para download.


0 Comentários
 
Há qualquer coisa de magnético na última edição do Vidro Azul.
Para salvaguarda da saúde mental (e auditiva !), ameaçadas em semanas de Queimas, recomenda-se o rápido download e o transporte permanente num qualquer leitor de mp3.

0 Comentários
 


Começa mal ...

Leiam o manifesto do Jorge.

Caros Srs.,
Residindo em Coimbra foi com enorme agrado que me dirigi à nóvel loja da Fnac no Fórum Coimbra inaugurada na passada semana, dia 27 de Abril, depois de já ter visitado e efectuado compras noutras lojas do grupo Fnac (oligopólio???): Lyon (em 1994), Norte Shopping, Santa Catarina, Gaia Shopping, Colombo, Chiado e Cascais Shopping.


1ª DESILUSÃO:Procurando o disco que no momento tinha intenção de comprar, "Bitter Tea" dos Fiery Furnaces, um funcionário muito amavelmente informou-me de que o disco ainda não se encontrava disponível na loja, mas dado já estar catalogado disse-me que na 4ª feira seguinte o disco provavelmente já estaria na loja. Acabei por efectuar a minha compra inaugural adquirindo o disco "Alligator" dos National, pelo preço de 17,50 ?.


2ª DESILUSÃO:Voltei hoje de novo à Fnac Coimbra e de facto o disco já está disponível na loja, mas a um preço proibitivo de 18,90 ?, claramente acima da concorrência. Perante tal verificação decidi não comprar mais discos na Fnac sem consultar previamente os preços de outras lojas, e de recomendar o mesmo procedimento a outras pessoas.

É lamentável que a Fnac, depois de conquistar quota significativa do mercado nacional, pratique preços irrealistas tendo em conta o nível aquisitivo médio do português comum que, mesmo com baixo poder de compra, ainda vai consumindo produtos culturais, embora com menor frequência. Particularmente, posso afirmar que sou um consumidor habitual de música há mais de 25 anos, manifestando o meu profundo descontentamento perante tal situação, ainda mais tendo conhecimento das práticas ilegais de jovens, que perante os preços elevados dos discos, descarregam com a maior facilidade ficheiros de música da internet.

Na expectativa de que a actual situação de preços proibitivos se reverta e favoreça o consumidor no sentido de propiciar uma maior e melhor procura, apresento os meus melhores cumprimentos.
Jorge Prazeres


LERAM ?

0 Comentários
 


Já sei que é imprescindível folhear os livros, tocar nas embalagens dos discos e dos DVDs, percorrer as prateleiras dos supermercados e comprar o que nunca se pensou comprar ... enfim, andar no meio da turba. Isto sim, é fazer compras !
E quem não tem lojas perto ? Ou transporte para trazer as compras para casa ? Ou sofre de agorafobia, ou claustrofobia, ou qualquer outra fobia que o impeça de fazer compras in the real thing ? Por exemplo, o receio do limite do cartão de crédito não dar para chegar ao fim do corredor ? Sim, esta fobia é muito mais habitual do que se possa pensar ...
Por tudo isto (e claro, também mais alguma coisa) sou a favor do eCommerce - COMÉRCIO ELECTRÓNICO ! O que eu não teria andado até encontrar uma pequena colectânea do Ray Charles que inclui You won't let me go e Tell me, you wait for me, vinda da B&N ?
Cartões de crédito em riste e Viva a Semana do Comércio Electrónico !

0 Comentários
2.5.06
 


Nouvelle Vague.
Para Junho, novo disco.
Ainda (e provavelmente sempre) as versões.
A história contada num vídeo aqui (versão original francesa, legendada em inglês).

0 Comentários
 


GREGOR SAMSA
55:12 (4Abril2006)

De novo a música eterna. A que, tal como Shepard, foi banida da rádio. Longa vida aos seus inimigos, para que ouçam de pé o som do seu regresso !

0 Comentários
início